13 novembro 2017

A História do meu Cabelo | BC e Transição Capilar ...


Oi gente, tudo bom?
Hoje vim contar para vocês a história do meu cabelo.


Quando eu nasci, eu quase não tinha cabelo. Ele começou a crescer e encher com 5 anos, ele era um cacho 3c ( bem de molinha ).
Com 7 ou 8 anos, minha mãe começou a passar alisante em meu cabelo, na intenção de tirar um pouco de volume, pois ele é muito cheio ( até hoje ), como resultado que se pode esperar de passar alisante, meu cabelo caiu da cintura até o ombro, eu não me importei muito pois era criança. Sempre quis ter cabelo liso, então eu gostava dessas loucuras.
Então ela teve que acertar meu cabelo no corte, e ele ficou bem curtinho, depois disto, nunca mais ela passou alisante em meu cabelo, e ele começou a crescer com uma textura mais crespa.


Sem química em meu cabelo, ele começou a fica bem cheio novamente, e eu andava com ele sempre preso, nessa época eu me achava muito feia, e com o cabelo ruim, porque eu não podia soltar ele. O meu cabelo sempre foi diferente das minhas colegas, eu sempre quis ter o cabelo liso como o delas.
Eu cortava meu cabelo igual uma maluca, na intenção daqueles cabelos que ficam em pé, abaixarem(os parentes). Ficava cheio de buracos, tentei diversas vezes fazer franja, e só dava merda, eu andava cheia de tic tac na cabeça para reparar as minhas experiências.
Daí minha mãe ouviu falar, do Beleza Natural, e resolveu me levar. Com 12 anos comecei a frequentar esse salão, fiquei 3 anos cuidando dos meus cachos por lá. Foi lá que aprendi a cuidar do meu cabelo, que aprendi a pentear, a lavar, e a poder andar com ele solto. Eu estava começando a ter autoestima.
Eu parei de frequentar o Beleza Natural, porque o relaxamento deles, machucava a minha cabeça, eu sempre voltava cheia de feridas no couro cabeludo, e isso me fez desgostar de cabelo cacheado, pois sempre pensei que meu cabelo só ficava cacheado por conta da química.




Com 15 anos, comecei a querer ter meu cabelo liso, então fiz muitas escovas, muita química, para ele ficar bem liso, eu pensava que fazendo esses procedimentos, meu cabelo iria ficar liso natural.
Eu fazia prancha, TODOS OS DIAS, em casa, botava a ponta para fora, passava na franja, encharcava de óleo, e nunca fazia hidratação, nem nada do tipo de cuidados.
Durante esse tempo, eu deixei ele bem grande, bem curtinho (no ombro), fiz mechas, vermelhas, depois loiras, fiz o corte chanel, passei por várias mudanças.


Ele era liso com a escova, mas quando eu molhava ele voltava a ser cacheado.
Um belo dia, depois de lavar meu cabelo após uma escova, notei que meus cachos não estavam mais formando, então pensei que agora eu iria ter meu cabelo liso, dos sonhos Ele estava bem alisado, eu mal sabia que estava passando pela #Transição Capilar.
Mas a realidade não foi bem essa, depois de um tempo, meu cabelo começou a ficar com a raiz, bem cheia e cacheada, e as pontas minguadas e lisas, daí, tive que cortar as pontas, e ele ficou um desastre.
Então para completar a merda, descolori em casa, as pontas do meu cabelo.
Como consequência, desse conjunto de merdas que eu fazia, ele caiu, bem na frente, tive o corte química. Eu também estava passando pela fase da rebeldia, então coloquei tipo um Dread de linhas em meu cabelo, e minha mãe cortou, quando eu estava dormindo, ele ficou todo detonado. Quando eu fazia prancha, essas partes ficavam em pé.
Meus colegas, sempre me apoiaram a ter cabelo cacheado, mas eu nunca gostei, queria ter ele bem liso.



Com 16 anos, minha mãe me levou a um salão, para poder reparar toda essa merda, que eu fazia e que ela também fez em meu cabelo, chegando ao salão, a cabeleireira me disse que eu teria que igualar meu cabelo a todas aquelas partes que tiveram o corte químico, até aí tudo bem. Quando ela terminou e disse para eu olhar no espelho, eu levei um susto, pois nunca tinha me imaginado assim.
Ela cortou meu cabelo bem curtinho, e eu fiz o #Bc sem saber o que era e como eu iria cuidar dele. Como meu cabelo estava completamente com química, ela não cortou tudo que deveria porque se não eu iria ficar careca. Ela deixou uns 3 dedos de cabelo, só na parte da frente que ficou um pouco maior, mas estava tudo esticado, da raiz as pontas. Nessa fase, eu escutei muitas críticas muitos apelidos maldosos, mas tirei de letra, pois desde pequena sempre tive esses problemas pelo fato de eu ser negra. Então eu já estava anestesiada com essa falta de educação alheia. Porque eu sempre me importei com o que eu penso, se pra está bom então está ótimo.


 Quando meu cabelo secava, ficava muito curto, e eu não gostava de cabelo balck. Passei por momentos bem críticos em minha vida, pois me sentia muito feia, não queria mais sair, e meu cabelo me incomodava demais. Porque mesmo eu não me importando com as opiniões alheias, nada combinava comigo, eu não estava acostumada a ter um cabelo tão curto assim. As vezes eu não me sentia mulher.
Eu não via a hora dele crescer, daí então que resolvi cuidar dele, comecei a pesquisar vídeos no youtube e conheci o Universo Cacheado, e aprendi a cuidar dele sozinha. Ele começou a crescer depois de 5 meses pós Bc, ele crescia somente para o alto (Black Power), e dessa forma eu não conseguia prender ele, então quando secava ficava bem cheio, e eu não gostava nenhum pouco.


Então optei por fazer o relaxamento, para meu cabelo ter mais comprimento, (depois do Bc, fiz relaxamento sim, algumas vezes) e isso funcionou muito bem, meu cabelo começou a crescer muito, e eu resolvi fazer de novo mechas, porque meu sonho sempre foi ter mechinhas loiras. Então fiz em casa sozinha, eu passava uma pasta de dente (vermelha) para ele ficar vermelho. Ele estava muito lindo, até que um belo dia, resolvi cortar um pouco ele (sem saber), ele ficou todo torto, e eu fiquei tentando reparar esse meu erro durante 2 anos, então meu cabelo nunca crescia, pois eu cortava todos os dias.
Depois da busca incessante, de acerta meu cabelo, parei de cortar, mesmo ele não estando certo, deixei ele respirar um pouco. Mas continuei com o relaxamento.


 Hoje em dia, corto ele 1 vez ao anos, só para acertar as pontas, lavo ele duas vezes na semana, cuido muito bem dele. Fiquei quase 1 ano sem fazer o relaxamento, e descobri que meu cabelo é mais 4A, do que 3C. Ele é bem crespo, chupa muito óleo, muito creme. Hoje em dia, faço relaxamento quando vejo que não consigo mais reparar alguns problemas em meu cabelo. Tem vezes que ele fica super endurecido, muito poroso, mesmo eu tendo muitos cuidados com ele, vejo que não consigo melhorar. Então é aí que faço o relaxamento, para eu poder conseguir tratar ele e depois ir mantendo em casa. Eu faço mais o menos 1 vez ao ano. Faço um relaxamento que não tira meu volume, ele só restaura os fios. Essa é a longa história do meu cabelo, passei pela Transição Capilar, fiz o Bc a 4 anos atrás, tive o corte químico, passei por diversas mudanças, e por aí vai. Assumir meu cachos foi a melhor coisa que aconteceu em minha vida, me sinto tão feliz, toda essa mudança me fez mudar por fora sim, mas por dentro também. Foi depois disto que me tornei Blogueira e Youtuber, para poder compartilhar com vocês as minhas experiências, e a minha história, espero muito que tenham gostado de me conhecer um pouco mais.

Tenho um vídeo no canal com mais fotos, se quiserem ver, é só dá o play no vídeo abaixo.


                 Beijos, e até segunda, não se esqueça de me acompanhar nas Redes Sociais.

15 agosto 2017

Resenha do Creminho da Hora | Plancton

Oi gente, tudo bom?

Hoje vim trazer uma resenha do Creminho da hora, esse foi um lançamento da Plancton que recebi no Ebsa7, ele é um super creme restaurador para cabelos totalmente danificados, ele contém óleo de Maracujá e Manga, ele dá muito brilho, nutri os cabelos e dá uma restaurada mara, ele é livre de sulfatos e parabenos, e o legal dele é que a consistência dele é tipo uma teia de aranha, na hora da aplicação você já consegue notar a ação imediata dele, ele começa a agir em 3 minutos isso é incrível, o tempo indicado para deixar ele agir é de 3 a 10 minutos, adoro praticidades porque ajudam muito a vida de quem não tem muito tempo para cuidar do cabelo em casa.

Vamos conhecer o produto.








O que ele Promete:
Tratamento super eficaz que age suavizando os fios, deixando os cabelos super sedosos, macios e com brilho. O creminho da hora possui Fórmula concentrada com óleo de maracujá e manga, rica em vitamina C, A e complexo B, além de possuir sais minerais recuperando os fios agredidos pela química realizando uma hidratação profunda garantindo assim a redução do volume e alinhamento capilar.

O que eu achei:
Gostei bastante dele, achei que ele cumpriu com o prometido, ele deixou meus cachos restaurados, macios e bem brilhosos, na hora que comecei a aplicar senti que meu cabelo já estava mudando de ressacado para macio, super indico esse creme ele é muito bom, ele pode ser usado em qualquer tipo de cabelo, do liso ao crespo, essa embalagem que ganhei é uma amostra grátis mas a original tem 250g e custa em torno de 19,90.

Fiz um vídeo mostrando como eu aplico esse produto e mostrei com mais detalhes o resultado dele, já dá o play e confira com mais detalhes.


Espero que tenham gostado, não se esqueça de me acompanhar nas Redes Sociais para ficar ligadinho em tudo, beijos e até Segunda-Feira.